quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Possível pauta de reivindicações dos Policiais Militares do Pará

– 100% ADCIONAL DE JORNADA NOTURNA
– 100% ADCIONAL DE RISCO DE VIDA
– JORNADA DE TRABALHO DE 40Hs SEMANAIS
– GRATIFICAÇÃO DE DEDICAÇÃO EXCLUSIVA
– GRATIFICAÇÃO TEMPO INTEGRAL
– REGULAMENTAÇÃO DA REMUNERAÇÃO DA JORNADA EXTRORDINÁRIA DE SERVIÇO DE ACORDO COM O QUE TRATA O ART. 7°, INC. XVI DA CF/88
– ESCOLARIDADE: NÍVEL MÉDIO PARA PRAÇAS E SUPERIOR PARA OFICIAL E A ISONOMIA DE ACORDO COM A ESCOLARIDADE
– EQUIPAMENTO POLICIAL DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL COMPREENDENDO COLETE, ARMAMENTO E ALGEMA FORNECIDO PARA CADA POLICIAL
– VALOR REFERENTE AO FARDAMENTO PAGO AO POLICIAL EM CONTRA-CHEQUE
– EQUIPARAÇÃO DO VALE-ALIMENTAÇÃO AO DO DETRAN
– MODIFICAÇÃO DA LEI DE PROMOÇÃO DE PRAÇAS COM A EXTINÇÃO DOS QUADROS E CRIAÇÃO DE UMA PROGRESSÃO FUNCIONAL.
– EXTINÇÃO DOS POSTOS E GRADUAÇÕES INTERMEDIÁRIOS ( 1°, 2° E 3° SARGENTO/ 1° E 2° TENENTES), FICANDO APENAS SARGENTO E TENENTE RESPECTIVAMENTE
– CRIAÇÃO DA DEFENSORIA PÚBLICA MILITAR
– CRIAÇÃO DE UMA COMISSÃO PERMANENTE NA ALEPA PARA DEFENDER OS INTERESSES DO SERVIDOR PÚBLICO MILITAR.

17 comentários:

  1. Olá major será que as coisas são tão previsíveis assim.

    Id. Luiz Carlos.

    ResponderExcluir
  2. Amigo Wolgrand olha esse absurdo que vai acontecer nos próximos dias, o Cel Solano vai ser nomeado Secretário Adjunto de Gestão Operacional da SEGUP. Agora a pergunta que não quer calar: 1- Como é que vai ser adjunto operacional se foi tirado do CMDO porque era de gabinete? 2- O Luiz Fernades pediu sua cabeça ao Gov e agora vai ser seu assessor direto. 3- Fez uma reunião sobre salário com oficiais sem o Gov e SEGUP saberem. 4- Falava aos quatro ventos que essa lei da SEGUP é inconstitucional. 5- Dizia para quem quisesse ouvir que quem o colocou no Cmdo não foi o Gov e sim o Des. Milton Nobre. ME EXPLICA ESSE WOLGRAND. NÃO ESTOU ENTENDENDO MAIS NADA

    ResponderExcluir
  3. Sou o SD Claudemir e acho toda essa pauta de reivindicações muito justa e necessária, tomara que não seja necessário os policiais enfrentarem a lei e paralisarem suas atividades para que a pauta seja atendida.
    Um abraço Maj, sou um assíduo leitor do seu videoblog.

    ResponderExcluir
  4. ADOREI AS REIVICAÇÕES..TEM QUE ACABAR SIM OS QUADROS DA PM ...OS OFICIAS SEMPRE SE DANDO BEM...TO PUTO! SÃO UNS VIADOS"
    E NOS? NÃO SOMOS NADA. APENAS CAPAXOS!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade!!! pensando desse jeito vc realmente é um nada.

      Excluir
  5. Deixem o Cel Solano em paz,vamos ver a situação da greve, ficam se preocupando com detalhes, acho que tem alguém apaixonado pelo SOLANo SÓ FALAM NELE, ei agora é outro o CEL DANIEL.

    ResponderExcluir
  6. OLa..Olha a Policia Militar é um Covil de cobras ou seja, A policia mIlitar é um Covil de Oficiais SUGADORES, SO QEREM SABER DE SI MESMO, nemd a familia eles não estão nem ai, Vivem traindo suas esposas com outras de farda e VOLUNTARIAS...Vivem se beneficiando do GOVERNO, VIVEM DANDO COTOCO PARA OS SUBORDNADOS ...COM EXCESSÂO. NENHUM PRESTA e não dá nem tomar com açai...quandoe stão na ACADEMIA são SANTINMHOS, quando assumem COMANDOS VIRAM o DIABO...FALA PRA O CEL ...... se ele não qer deixar o COMANDO da segurança da UNIVERSAL..tu jura...TO CANÇADO..to CANÇADO...REALMENTE A POLICIA MILITAR é DOS OFICIAIS..OS PRAÇAS SÂO MERDA...E O GOVERNO FAZ QUE NÂO VE

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai aprender a escrever seu merda. Vai estudar seu recalcado burro.

      Excluir
  7. Aos Praças "cansados", por que não estudaram e fizeram o CFO ao invés do CFSD? Aos que nos chamam de viados, talvez a esposa deste já o tenha traido com Oficial,kkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. cala a boca seu merda tu deve ser oficial então verifica aqualidade da tua resposta, ela deve ser da qualidade da tua estrela seu bosta Ha sim só lembrando trair com oficial mais quando se vcs saõ um bando de viados encubados porra!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

      Excluir
  8. A instituição PM está morrendo, não atende mais s sociedade pois o modelo e ultrapassado. O policial militar deveria entrar na PM com nível superior e possibilidade de ascensão total ao oficialato.

    ResponderExcluir
  9. kkkkkkkk...Muita diferança...CFO (três anos pra porra nem uma) e CFSD (eternos capachos)...kkkkkk....Um dia eu fui Policial Militar, graças a Deus hoje sou gente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc deve ter sido expulso... seu merda burro.

      Excluir
  10. O PELEGUISMO DO NOVO MILÊNIO

    Controlar a atuação dos sindicatos e das associações representativas de classe sempre foi interesse de qualquer Governo. Afinal, ter na mão os sindicalistas que deveriam, em tese, representar os interesses dos associados, é um importante poder de barganha, que comumente é utilizado para oprimir e dividir aqueles que mais necessitam do cumprimento dos seus direitos.
    Assim como no tempo de Getúlio, onde os pelegos buscavam contornar as dificuldades impostas pelos sindicalizados aos planos do governo, no tempo de Jatene, os novos-velhos pelegos, da era da informação, utilizam-se dos mesmos artífices para fomentar a discórdia e a ganância desenfreada.
    A chapa União e Luta, democraticamente constituída, se eleita for, terá a missão de defender os interesses da classe, tão desrespeitada ao longo de décadas, como bode expiatório social, principalmente em razão do período ditatorial, os Delegados foram e, ainda o são, execrados e massacrados.
    Não há dúvidas, somos conscientes das nossas deficiências e que a carreira tem muito a avançar, principalmente na busca de uma sociedade mais justa. Acontece que com os meios e as condutas que hoje estão em uso, e isso não diz respeito exclusivamente ao Estado do Pará, mas aqui os contrastes são acentuados, a atuação repressiva da Polícia Judiciária e, por conseguinte, dos seus chefes, os Delegados de Polícia, está direcionada aos nichos mais necessitados da população. Aqueles que não contam com os serviços do Estado: saúde, educação e segurança.
    Para que possamos implementar uma Polícia Judiciária de Estado, e não de Governo como hoje está colocada, temos que fortalecer as entidades representativas de classe, sentar na mesa de negociação, trabalhar politicamente e principalmente, defender incondicionalmente os interesses daqueles que contribuem com a vida associativa e esperam que seus direitos sejam bem representados.
    Toda e qualquer ação que não caminhe nessa direção, está eivada de vícios, e acaba conduzindo a vida do sindicato, da associação, aos interesses políticos do Governo, que hoje está no poder, mas que daqui a algum tempo não estará mais. O poder é efêmero, talvez piegas, mas inegavelmente sábio.
    Talvez essa aparente contradição (na visão governista), associações representativas em inegável luta, tenha motivado os representantes do Estado, a sair da sua posição democrática, para começar uma luta desenfreada com a finalidade de influenciar nas eleições da Associação dos Delegados de Polícia Civil do Estado do Pará (ADEPOL/PA).

    ResponderExcluir
  11. Dia 20 de janeiro aproxima-se. Pode ser considerado o dia “D” da classe dos Delegados. Será o dia a não ser esquecido. A eleição que decidirá os rumos da categoria nos próximos dois anos.
    A chapa União e Luta espera que o processo transcorra democraticamente, e que os Delegados, todos, sem qualquer exceção, possam decidir de acordo com as suas consciências, livres de qualquer ingerência externa, como por exemplo, o afamado DAS, ou de qualquer outra conduta coercitiva imposta.
    Essa liberdade é extremamente importante para que tenhamos um resultado que demonstre claramente o interesse da maioria, mas que também reflita a maturidade da classe, essa, que sofrida, vive a discutir, mendigar e nunca conseguir conquistar seus direitos.
    Outra questão, diz respeito à luta das demais associações que representam não só os servidores da área de segurança, mas também dos servidores da justiça, do Ministério Público, da área de saúde, da educação etc.
    A chapa União e Luta sempre apoiará qualquer reivindicação salarial proveniente de qualquer entidade de classe. O que não tolerará é a manipulação política de associações ou sindicatos, de maneira ardilosa, com a única finalidade de desconstituir negociações que envolvam nossa categoria.
    O que vimos no dia de hoje (14/01), quando abrimos o jornal “O Liberal”, foi verdadeira farsa, que acaba desdenhando o trabalho realizado pelas associações representativas no ano de 2011.
    Surpreende os argumentos apresentados pelo representante do Sindicato dos Servidores da Polícia Civil sobre dois aspectos. O primeiro, diz respeito ao permanente estado de greve; novidade, que nos parece, não chegou ao conhecimento dos companheiros da Polícia Civil, haja vista os rumores que são divulgados nos corredores das Delegacias, que contradizem tal informação, inclusive indo no sentido contrário, já que muitos colegas, investigadores e escrivães, não se sentem representados pelos seus sindicalistas. O segundo, a crítica à mobilização dos Delegados de Polícia. Tal fundamento vai de encontro a tudo que dispusemos sobre representação sindical, ou seja, um representante que se surpreende com a conduta ativa frente ao governo. Qual o interesse?
    Ao contrário, nós da chapa União e Luta, não dependemos de favores do Governo e nos sentimos honrados em discutir, debater, contradizer, negociar nossos interesses e apoiarmos toda ação conduzida pelas demais classes trabalhadoras que compõem o núcleo de servidores que, contra todas as dificuldades, prestam serviços públicos aos cidadãos paraenses.

    ResponderExcluir
  12. Faltou exigir anistia geral e irrestrita a todos que participarem do movimento.

    ResponderExcluir
  13. Que o jatene seja muito sábio ao decidir quanto vai dar de aumento para nos.Se ele quer conquistar uma tropa que votou nele,deve pensar com muito carinho o valor da posentagem,afinal ele vai querer se releger

    ResponderExcluir