sexta-feira, 30 de março de 2012

Coronel PM Osmar, o "boi de piranha" (Walmari Prata Carvalho)


A Auditoria Militar julga o Cel. PM Osmar e outros por utilização de PMS sobre suas ordens, em atividades, que caracterizariam DESVIO DE FUNÇÃO. Os atos de oficio são amplamente estampados na mídia, inclusive com imagens de dentro da sala do sagrado templo da justiça, mesmo antes da sentença, seus justos julgadores já o condenaram a execração social.

Assim será justiça?

Na realidade esta atividade sem embasamento legal sempre foi, e, ainda é costume no Estado e nos Poderes, não é atributo apenas de um Coronel PM. O Osmar esta servindo de boi de piranha provavelmente pela sua falta de habilidade para fazer, sua querência questionável entre seus pares, por dizer o que pensa sem analisar as conseqüências, por imprudência, mas, principalmente por não ter se adaptado aos dias atuais. Enquanto sua carne é dilacerada em nome da moralidade do serviço público, outros policiais provavelmente exercitam assemelhados afazeres para distintos senhores não coronéis, mas, detentores de poderes maiores, e, às vezes nem tanto.

A estrutura institucional define em leis onde o policial militar poderá ser empregado, e, qual a atividade a serem desempenhadas pelos mesmos seja qual for à função. Divergindo disto, mesmo a disposição das Casas Militares do Governador, do MP, da Assembléia Legislativa, da Auditoria Militar ou qualquer outro assemelhado estará o militar cometendo desvio de função.

Consta que, o Major PM RR WOLGRAND já se manifestou em denuncia por diversas vezes em referencia ao mesmo crime atribuído ao Cel. Osmar, e, o fez por escrito. Qual o motivo de não prosperarem suas denuncias?Caso as mesmas não tenham apresentado consistência, qual o motivo de não o transformarem em réu por calunia ou difamação?

Será porque o beneficiado pelo desvio não foi um coronel, mas, os senhores do poder?

Mesmo com toda a controvérsia e o contraditório, não resta duvida que o MP Militar cumpriu com sua finalidade,e,a juiz auditor acertadamente acolheu a denuncia.Não estou defendendo o Osmar,se realmente fez errou,entretanto,seu erro é estrutural não legal,mas,de costumes.

Espero para o bem do serviço publico em todo o estado, que este julgamento seja o passo inicial de uma cruzada, que venha a inibir este costume arraigado não só na PM, mas em todos os Poderes, e, setores que, da PM utilizam. Se assim realmente for, meus efusivos parabéns a todos da auditoria militar, mas, se somente a este caso se abstiverem lamentarei, pois, somente verei como um ato midiático. Se assim for continuaremos presenciando PMS levando filhos de autoridades ao colégio; madames ao cabeleireiro, e aos supermercados; de bandejas servindo o café; como porteiros abrindo portas, e, depois de algum tempo, para justificar junto à sociedade a intolerância a estes desvios, hipocritamente venhamos a encontrar outro boi de piranha como o Osmar, e, o esquartejemos dando-o de banquete a opinião pública, enquanto a caravana dos senhores feudais continuarão seguindo incólume com os mesmos vícios.

Belém, 29 de março de 2012.

WALMARI PRATA CARVALHO-CEL PM RR

walmariprata@hotmail.com


16 comentários:

  1. Luiz Mário de Melo e Silva30 de março de 2012 13:27

    Parabéns, Coronel.Em tais circunstâncias é imperioso ser mais que militar. É ser homem em toda sua potencialidade, ou seja,humamo, demasiado humano (Nietzsche)e não semi-deuses como pretendem alguns que, com seus reducionismos,estão mais para doentia ameba.

    ResponderExcluir
  2. todos os policiais militares conhecem a pessoa do cel osmar, que além da sua arrogância é extremamente egocêntrico, trata mal seus subordinados, prevalecendo-se do seu posto para destilar sua inigialável soberba, que a lei seja aplicada da forma mais severa possível para este cel, e que isto sirva de exemplo para os outros...

    ResponderExcluir
  3. Vamos ver por outro lado o Coronel Osmar a exemplo de "outros" oficiais, que usavam os parças da pm para:
    -Vigiar locadora de carro
    -Dar banho em cachorro
    -levar filho do ofiial para escola
    -levar esposa de oficial para salão de beleza
    -Levar os peito file de frango do batalhão para um mote localizado na Júlio Cezar
    -Pintar casa capinar terreno isso era rotina
    - Vigiar fazenda de criação de cavalo
    - Desviar o ranco comprado no RR Batista para suas residencias ou para seus super mercado particulares
    Bem por ai vai só que agora os tempos são outros, a tecnologia esta aí para ser usada a favor da moralidade
    Que sirva de exemplo o que esta aontecendo com o "ditador" Cel Osmar para todos os que ainda acham que a policia e aquela que andava de "tamanco', eu vivi tudo isso acontecer e me orgulho em ver como as coisa mudaram inclusive de termos este Blog, para podermos denuciar as facatruas que ainda existam dentro do serviço público.

    ResponderExcluir
  4. Belo texto walmari, o onça só fez o que a maioria dos coroneis corruptos da pm fazem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SÃO 100% E NÃO PEDEM A RESERVA REMUNERADA POR QUE QUEREM ROUBAR E MORAR NO GRENVILLE.

      Excluir
  5. Coronel Walmari,

    O seu texto é perfeito. Só os tolos não percebem que o problema da PMPA não é a PMPA, mas o MP e a Justiça. Aliás, essas instâncias de poder são as grandes responsábveis pelos mais graves problemas da sociedade. São elas que permitem a existência de um Duciomar ou Jatene da vida.

    Quem sabe, um dia, o grosso da polulação perceba que os verdadeiros problemas estão no "andar de cima"

    Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. WOLGRAND;
      Foi precisa sua manifestação, você e outros compreenderam o objetivo principal do que foi dito, outros nem tanto. Nada do que foi tratado busca pessoas, nem hoje, nem ontem. O problema não são especificamente as pessoas, mas, as estruturas criadas para disciplinar as pessoas. Nada justifica, mas, difícil é servir outros de um produto (serviços) de sua casa, e, não se servir em mesmas condições. Como você mesmo diz, o buraco é mais em cima.
      Conta uma lenda do período feudal, que em um reino todos viviam felizes. Certa ocasião uma bruxa por descontentamento com a felicidade do rei e seus súditos jogou um feitiço na única fonte de água do local, onde quem dela bebesse ficaria louco. O rei percebeu que sua querência diminuía, e, que o comportamento de seus súditos avolumava-se em antagonismo ao seu reinado. Estava o rei por ainda por não ter ingerido da água da fonte ficando divergente em comportamento do restante de seu povo que, por isto mesmo já o queriam deposto. Como todo rei possui a sabedoria dos deuses (dizem as fabulas), o rei para não perder seu reinado resolveu ingerir da água da fonte passando a ser igual aos seus súditos. Como toda estória viveram daí pra frente felizes eternamente.
      Desta estória percebemos o alcance de máximas como “Quem parte e reparte, e, não fica com a melhor parte é louco ou não entende da arte”. Por ela também compreendo melhor o que dizia meu velho e falecido pai “meu filho não se iluda, partido existem apenas dois, o que esta comendo e o que deseja comer”. Infelizmente o resto é conseqüência.
      SABE WOLGRAND, PRECISAM MATAR A BRUXA, MUITAS FONTES FORAM ENFEITIÇADAS, E, MUITA GENTE TA BEBENDO DELAS....WALMARI

      Excluir
    2. Luiz Mário de Melo e Silva3 de abril de 2012 13:00

      Walmari, rei destoa do povo e bruxa é algo a denegrir a força,a beleza e, sobretudo, a inteligência do sexo feminino em oposição ao poder masculino. Ou seja, em ambos os casos fica subtendido que a "ELITE" pode tudo (elite machista, diga-se!). Logo, sua luta, contra a elite que mantém o status quo, vai por água abaixo, porque, pelo o que as nuances sugerem, ela é como murro em ponta de faca ao garantir o poder opressor da elite...

      Excluir
  6. Parabens a auditoria militar, que esse caso sirva de exemplo pra esses comandates que pensam que praça é peão ''pau pra toda obra''. Tomara que esse coronel osmar receba a pena maxima.
    esse caso é só a ponta do iceberg de tudo que acontece envolvendo comandos de policiamento do interior do estado, como o caso de um Coronel que levou todo um corpo de alunos cfsd para limpar um assude de um colega, não é coronel wamari!?...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não me lembro se foi.Se realmente foi,foi,ou melhor já foi,não deve mais ser assim.Tudo muda,pessoas mudam,comportamentos mudam em adaptação a novos tempos,novas condutas.Sinceramente não me lembro deste fato e deste açude de um colega que, pela sua ironia possibilito que fazes em referencia a minha pessoa.Se assim fiz(não lembro)julguei necessario.Provavelmente você teria sido aluno deste CFSD.Lembro que briguei muito para realizar um curso em Castanhal,meus superiores não desejavam,mas,eu depois de muito pelejar acabaram aquiescendo.Precisava realizado para dar condições aos moradores das circunvizinhanças de frequentarem o curso(mão de obra regional facilitava o emprego operacional por serem oriundos do local) ,talvez,você tenha sido destas turmas.Percebo que este açude lhe causou traumas que carregas ate os dias de hoje,e,por ele estendes teus recalques a terceiros ou mesmo ao quadro de coroneis.Despeje suas magoas somente em mim,não radicalize generalizando.Repito,não sei se fiz,mas se foi feito me perdoe.Caso seu coração não consiga perdoar,me procure que pagarei um psicologo para amenizar seu coração.Percebo muita amargura em você,desejos mesquinhos de vingança não é justiça.Não deseje aos outros o que não quer para si.Deixe que a justiça seja feita por quem deve faze-lo.Quem pensa que soldado é peão jamais encontrara um peão num verdadeiro soldado o encontrara num peão soldado.A amargura diminui a longividade,estou ao seu dispor para ajuda-lo mesmo que não tenha sido eu o responsavel por esta sua situação de antagonismo que é prejudicial ao exercicio profissional,e,seu odio podera lhe proporcionar insegurança nas atividades operacionais.Aprenda a perdoar,e,a se posicionar.Lembre-se que o que outros fazem para nós,depende de nós a maneiro de sentir o que foi feito.Caso o que foi feito nos tenha ofendido,mais facil será nossa caminhada depois de perdoa-lo.O peso da vingança,do rancor,do odio somente encurta nossa vida,e,pesa em nossa trajetoria.Pense nisso,mas,precisando do psicologo,lhe arranjo com prazer.CEL WALMARI

      Excluir
  7. LEMBRO DE OFICIAIS LEVAREM OS FILHOS DAQUELE SENADOR QUE DISPENSA O NOME PARA A ESCOLINHA PEQUENO PRINCIPE E OUTROS FAZENDO COBERTURA PARA SUA AMANTE E TINHA PADRE TINHA NO MEIO DA SACANAGEM. E AS BATE-PAU DAQUELA PETISTA QUE SÓ FEZ LAMBANÇA, NEM SE FALA. E OS PMS QUE ERAM COLOCADOS NA CASA DE UM DESEMBARGADOR PELO CORONEL SUJEIRA...E AÍ VAI. AINDA TEM OFICIAL DO IESP QUE TEM PM A DISPOSIÇÃO PARA TANTAS SACANAGENS. EI MPM ACORDA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  8. Muito bom o texto do CEL WALMARI, bem como a sua fábula. Não julgo o CEL OSMAR pelo seu ato, como já dito, um mal existente pelo erro de Costumes e não é apenas na PM que isso ocorre, mas em todos as Secretarias de Estado. Aqueles que apedrejam, é porque estão do outro lado, querendo fazer o mesmo, querem ser Segurança, porteiro, carregador de pasta, motorista, babá, caseiro, pedreiro, pintor, churrasqueiro, garçom e qualquer outra função que lhe sirva para ter o privilégio de ser visto e não concorrer a uma escala de serviço, e sempre ser lembrado nas quelas missões com diárias ou a disposição de outros orgãos como MP, TJ, ALEPA e etc..
    Em resumo A PM QUE SE FODA!

    ResponderExcluir
  9. Esse indivíduo chamado Onça tem que se ferrar mesmo, ele é um dos maiores bandidos que a PM do Pará possui. Ele bebia cerveja em uma praia de Abaeté com uma traficante acusada de ter mandado executar o CB PM Araújo, que pertencia ao efetivo da Cia de Abaeté. Deus é tremendo e não deixou que esse "bandido fardado" assumisse o comando geral da Patifaria Militar

    ResponderExcluir
  10. Wolgrand, parabéns por vc não possuir telhado de vidro, mas tem oficial que é igual ao Demóstenes, pô mandar soldados fazerem serviços pessoais. Será que o MPM se fosse tão atuante no passado como é hj não pegaria esses coronéis e CIA?

    ResponderExcluir
  11. se ele bebia com a traficante e ninguem teve peito de prende-la antes, pois sim, ao que parece, vc anonimo já sabia da autoria do crime,seram ciumes por ele ter tomado seu lugar junto a traficante. É anonimo pelo visto o arrego tinha trocado de mão.

    ResponderExcluir
  12. conheçi o coronel osmar desde o tempo do ensino médio no cepc ele galgou todas as etapas p se tornar uma autoridade muitos ficaram pelo meio do caminho,ajudou sim muitas pessoas,errou sim é humano mais é apenas um grão de areia no deserto p acabar só quando jesus voltar e destruir essa terra como fez com o diluvio.

    ResponderExcluir