segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Hilárias passagens da caserna II (Walmari Prata Carvalho)

Existem realmente algumas passagens vivenciadas na caserna, que se não fossem trágicas seriam hilárias, pois, desnuda a imponência, a arrogância, a prepotência de atores executores. No primeiro momento os atributos exercitados pelo agente provocam repugnância em quem assiste, e, principalmente naqueles atingidos pela empáfia entoada em eloqüência pelo autor; depois,quando realmente se percebe a fragilidade de quem disse,e, os reais efeitos do que foi dito percebe-se então, que hilárias foram.
 
Determinado dia, um CMT GERAL, por sinal, arrogante, mas sem conhecimento de causa resolveu reunir seus coronéis, entre eles eu, que a época era o CH EMG, e, em alto e bom tom disse’’A comissão de Promoções de Oficiais é soberana, e, o que por ela for decidido será cumprido’’. Percebendo já rumores nos bastidores perguntei-lhe’’E se não a respeitarem’’. Respondeu-me empavonado’’Eu entrego meu comando’’. Fora os burburinhos, e, os sorrisos internos entre dentes, todos se retiraram confiante no dito pelo comandante. Sábado seguinte ao fato um coronel procurou-me em casa, dizendo que o CMT desejava falar comigo. Disse-me ele, que deveria refazer a Ata de Promoções, pois, o governador Almir Gabriel não desejava efetivar aquelas promoções, tendo em vista alguns oficiais serem adeptos de Jader Barbalho, e, que seu procurador jurídico lhe deu o entendimento de que quem pode mais, pode menos, ou seja, quem promove a coronel, deve promover também a tenente coronel. Mostrei ao comandante, que a lei não dizia isso, que ele deveria argumentar ao governador, retrucou dizendo ser ordem. Disse-lhe que não a cumpriria, e, que daria conhecimento das decisões da CPO aos oficiais que seriam prejudicados pelo entendimento equivocado do governador; alias entendimento político. Fizeram como quiseram, e, os prejudicado nem mesmo coragem tiveram de buscar seus direitos na justiça. O hilário desta historia foi quando perguntei ao CMT GERAL, ’’E agora entregue o seu comando’’, ele pigarreou, e, entre dentes disse ‘’Eu não entrego nada; porque tu não entregas a tua chefia de estado maior’’, de bate pronto lhe respondi, ’’Não entrego, porque não prometi na frente de meus oficiais coronéis, mas, quem me nomeou foi o senhor exonere-me então’’. O cagão me engoliu o resto de seu comando sem coragem para me exonerar. Hoje fico a imaginar o peso de carregar a querência extremada por uma cadeira, onde os valores maiores do ser humano mesmo exposto explicitamente têm de ser anulado, e, os fracos de caráter conseguem fazê-lo somente para continuarem comandante. Então, somente me percorre o riso, pois, hoje considero hilária a condição imposta ao bobo da corte que, se julgava comandante geral. Mais hilário ainda é saber que, alguns seguidores adoradores de cadeiras, mesmo que, bobos da corte sejam fazem carreira seguindo o velho guia. Pode ate ser humor negro, mas, hilário não deixa de ser,principalmente depois do decorrer do tempo. Quem souber conte outro,mas,que seja caso,não causo.

Belém, 05 de fevereiro de 2013.
.
WALMARI PRATA CARVALHO

4 comentários:

  1. que drogaa é essa major posto os comentarios logo

    ResponderExcluir
  2. Excelente seu comentário. Posso até afirmar que até hoje acontece isso e de maneira das mais descaradas e que o MPM finge que não sabe o que está acontecendo. Quero ver o Armando Brasil ir na mídia e dizer que o Cel Brito e Tc Moisés estão trabalhando na ilegalidade naquele local. Não sou amigo do Bitencourt, mas o cara já levou capote de um monte de incompetentes, o que dói é isso, vc ser competente e promoverem uns malas despreparados na sua frente. Lí no Boletim reservado punirem um major por ter recorrido de sua não promoção, o que é um verdadeiro absurdo. O governo não paga interiorização e abono e as associações ficam todas quietas, ninguém quer saber de nada. Agora o ex capitão marcio miranda assumiu a assembléia e detonou alguns oficiais e praças, esse deveria é cobrar do Governador acordos que foram feitos, pois, Cb Elio e aquele outro que é cria do marcio miranda vão ficar calados.

    ResponderExcluir
  3. Fortaleçam, e, cobrem das associações manifestações administrativas, e, jurídicas. Por outro lado observem que os beneficiados quase sempre são os mesmos, e, assim mesmo em menor numero, eles possuem a força dos ovos babados, agora os prejudicados são a maioria. O que falta para se unirem? O que falta para se manifestarem conjuntamente, e, oficialmente, de inicio administrativamente, depois, na auditoria militar, e, se nada for feito na justiça comum. Qualquer manifestação embasada em direitos, e, não extrapolando o assunto sem partir ao pejorativo pessoal, jamais poderá sofrer retaliações, se assim mesmo vier a ser feita, novamente cabe novo manifesto, e, assim sucessivamente. A união é o caminho, mas, os senhores não se unem então somente lhes resta serem preteridos pelos baba ovos, e, abridores de portas.
    Os efeitos podem ate demorar a chegar, mas, um dia chegam a vocês. Pergunte a quem por eles brigaram como o Cel. Gomes,Firmino,Sgt Melo......

    ResponderExcluir
  4. A PM sempre foi assim.SÓ é promovido quem é baba ovo,tanto faz ser oficial ou praça.Passsei 8 anos como 3ºsgt, e 8 anos como 2º.Fiquei tão revoltado que somei meu tempo e RASQUEI da ativa.Hoje sou da reserva a mais de 4 anos, e ganho o triplo do que ganhava na ativa.Fui buscar todos os meus direitos na justiça.Ganho:ABONO,INTERIORIZAÇÃO,DAS.Futuramente,vou buscar o retroativo da interiorização que esta no valor de mais de 100,000.00.Portanto,quem tem tempo vai embora,não vale a apenas ficar na ativa correndo risco de ir pra rua.Perder tantos anos de serviços.LEMBRETE: A RÁDIO CIPÓ ESTA INFORMANDO QUE VÃO ACABAR COM OS 30% DO ADCIONAL DE INATIVIDADE.

    ResponderExcluir