sábado, 17 de novembro de 2012

Diretor esclarece acusações de Professor do IFPA

Memorando n° 031/2012 – Pólo Ananindeua
Belém, 16 de novembro de 2012.
                                                               
À Reitoria do IFPA
Assunto: Esclarecimento.
                                                                                  
Magnífico Reitor,
.
No dia 14, quarta feira, durante encontro que ocorreu no Auditório do NEAPE (Campus Belém), entre a Reitoria do IFPA e os Coordenadores de Cursos e Professores do Campus Belém, das 10:00 às 13:00 h, onde estavam presentes V. Mag., a Pró-Reitora de Ensino, Professora Neusa, e dezenas de docentes do referido Campus, o Professor de Informática Ricardo Cabeça, ao lhe ser concedida a palavra, afirmou que este Diretor do Pólo Ananindeua praticou os seguintes atos:
.
1 - Ofendeu e ameaçou os professores da Coordenação de Informática do Campus Belém, inclusive com publicações na Rede Mundial de Computadores.
.
2 - Praticou irregularidades por ocasião da concessão do AUXÍLIO FINANCEIRO, pela Direção do Campus Belém, aos servidores que realizam Curso de Pós Graduação na Universidade de Trás os Montes e Alto Doro, em Portugal.
.
3 – Solicitou a nomeação da Srª BETANHA CUNHA BASTOS, irmã do Diretor Geral Interino do Campus Belém, insinuando a existência de troca escusa de favores na indicação de servidores para os Cargos em Comissão ou Funções Gratificadas do Pólo.
.
Por fim, ainda afirmou que a Coordenação de Informática somente designará professores para lecionar para os alunos do Pólo Ananindeua, quando estes forem FORMALMENTE TRANSFERIDOS para o Campus Belém, como se os graves problemas que afetaram o Pólo Ananindeua do IFPA tivessem sido causados pelo Corpo Discente desta Unidade de Ensino.     
.
Quanto às afirmações do Professor Ricardo Cabeça, esclareço o seguinte:
.
1 – No que diz respeito aos itens 1 e 2, solicitei ao ilustre professor, por meio do memorando nº 029 – Pólo Ananindeua, de 14 de novembro de 2012, RELATO MINUCIOSO DOS FATOS atribuídos a este diretor, comprometendo-me a encaminhá-lo à V.Mag, CGU e MPF para as providências previstas em lei, além de publicá-lo, na íntegra, no mesmo site que, segundo o professor, foi utilizado para divulgar material ofensivo a sua pessoa e aos integrantes da Coordenação de Informática do Campus Belém.
.
2 – Quanto ao item 2, esclareço que ao ser indicado para o cargo de Diretor do Pólo Ananindeua, a única solicitação a mim realizada pela Direção Geral do Campus Belém foi a indicação do Professor ABEL CHAVES NETO, para o cargo de Diretor de Ensino,  o que, pela qualificação do referido professor, foi aceito.     
.
Para o segundo e último Cargo em Comissão que este Diretor julgava existir no Pólo, sem titubear, pela SERIEDADE, COMPETÊNCIA E, sobretudo, COMPROMISSO com a instituição, convidei a Professora LAURA HELENA, atual Coordenadora de Ciências Humanas do Campus Belém. Mas, apesar de todos os esforços realizados para convencer a referida docente, o convite não foi aceito.
.
Em seguida, perquirindo um servidor competente para atuar no Pólo, no interior do prédio onde funciona o SINASEFE/Pa, convidei o professorHUMBERTO BRITO, atual Secretário do aludido sindicato. No entanto, sob o argumento de incompatibilidade com o exercício da prática sindical, o convite também não foi aceito.      
.
Dias depois, ao saber que a Senhora ANDRESA, atual Chefe de Gabinete do Diretor Geral do Campus Belém, estava há meses na função sem qualquer gratificação pecuniária, convidei-a para trabalhar no Pólo Ananindeua, oferecendo-lhe o mesmo cargo que os professores Humberto Brito e Laura Helena recusaram. No entanto, ao saber do meu intento, a Direção do Campus Belém nomeou a referida servidora para um Cargo em Comissão, frustrando, mais uma vez, a indicação de um servidor qualificado para o Pólo.
.
Assim, sem conseguir uma pessoa habilitada para assessorar-me, solicitei a ajuda da senhora ANDRESA, que indicou a Servidora BETANHA CUNHA BASTOS. Esta servidora asseverou que avaliaria a proposta e até visitou as instalações do Pólo, na Cidade de Ananindeua, em companhia deste Diretor e da Pró-Reitora de Ensino. Acreditando na disposição da D. Betanha em atuar no Pólo, este Diretor chegou até a solicitar a sua nomeação – juntamente como a do Professor Abel – a V. Mag. No entanto, dias depois, por razões de foro íntimo, a Servidora Betanha Cunha Bastos também não aceitou trabalhar no Pólo Ananindeua.
.
Por fim, precisando de um corpo mínimo de auxiliares para administrar mais de 450 alunos (presenciais e à distância), além da obra de construção civil, que se encontra com o cronograma atrasado, solicitei a V. Mag, por meio do memorando nº 026/2012 – Pólo Ananindeua, de 13 de novembro de 2012, a nomeação dos Professores ABEL CHAVES e LAIR MENESES (Campus Abaetetuba) e do técnico Administrativo WADEMIRO NEGUEIRO (Campus Abaetetuba) para integrar o quadro mínimo do Pólo Ananindeua do IFPA. Porém, até o presente momento, os referidos servidores não foram nomeados.
.
Vê-se, assim, a total improcedência dos comentários maliciosos do Professor Ricardo Cabeça, amparados no total desconhecimento dos fatos e ações deste Diretor.
.
3 – No que diz respeito à necessidade de TRANSFERÊNCIA FORMAL dos alunos do Pólo Ananindeua para o Campus Belém, enquanto condição sine qua non para que a Coordenação de Informática designe professores para lecionar para os mesmos, penso ser, no mínimo, um DESRESPEITO com os alunos do Pólo, posto não terem culpa das irregularidades cometidas pela Administração passada do Instituto, que inviabilizaram a permanência dos mesmos na Cidade de Ananindeua, onde, por previsão editalícia, deveriam receber os serviços educacionais a que fazem jus. Por outro lado, se condicionarmos as ações dos órgãos do IFPA às formalidades legais, a própria Coordenação de Informática não desenvolveria as suas atividades corriqueiras, visto que o Campus Belém ainda não possui um REGIMENTO INTERNO; ORGANOGRAMA APROVADO; NOMEAÇÃO DE PROFESSORES PARA INTEGRAR AS COORDENAÇÕES (salvo o Coordenador que tem designação por Portaria); ATO DE CRIAÇÃO DAS COORDENAÇÕES, COM APROVAÇÃO PELO CONSELHO SUPERIOR E PUBLICAÇÃO EM DIÁRIO OFICIAL, etc.
.
Eis os esclarecimentos preliminares dos fatos imputados a este Diretor pelo Professor Ricardo Cabeça, na presença de dezenas de docentes, os quais, com ou sem o RELATO realizado pelo referido professor, serão objeto de PEDIDO DE APURAÇÃO a V. Mag, em face da gravidade dos fatos relatados oralmente.
.
Para a compreensão da conduta do referido professor, convém registrar que este Diretor solicitou, com base na LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO, esclarecimentos à Coordenação de Informática sobre a CARGA HORÁRIA DOS PROFESSORES, TITULAÇÃO, REGIME DE TRABALHO, PORTARIA DE REDUÇÃO DE CARGA HORÁRIA, etc, que deve ter parecido uma afronta àqueles que não estão acostumados com a transparência no serviço público pátrio.
 .        
 Atenciosamente,
.
 Walber Wolgrand Menezes Marques
Diretor Geral do Pólo Ananindeua do IFPA
Port.946 /2012 - Gab

8 comentários:

  1. Prof. Walber, boa noite!
    Tenho acompanhado suas notas na Rede Social. Antes de tecer os meus comentários, acessei seu Currículo Lattes e observei que suas atitudes refletem em sua total falta de experiência acadêmica e, sobretudo, administrativa. Portanto, voce precisa urgente terminar seu mestrado em Gestão Pública em Portugal, mas não deixe que usem recursos destinados aos alunos, denuncie, como voce habitualmente vem fazendo no IFPA, o que tornou-me sua fã. Será que o Campus Belém hoje não tem verbas para os alunos participarem em eventos científicos e visitas técnicas porque houve desvio de finalidades no Programa de Auxílio Financeiro ao Estudante? Agora, voce como Gestor é muito RUIM, pois precisas entender primeiro o que é liderança, e tenho certeza que vás aprender no curso de Mestrado que estás fazendo. Um verdadeiro Líder precisa ter: Conhecimento, Experiência, Capacidade de Planejamento, de Orientação, de Negociação e, sobretudo, Humildade e Honestidade. Com essas características, o verdadeiro Lider facilmente adquire a confiança de seus colaboradores e faz com que naturalmente eles trabalhem para voce . Trate os professores como colaboradores e não como produto de força de Lei. Utilizar de subterfúgios (no sentido de utlizar-se de estratégia ou tentativa de se obter alguma coisa de modo ardil) da legislação como forma opressiva (MESMO QUE TENHA FUNDAMENTO LEGAL) para amendrontar e criar um estado psíquico-infernal de medo aos funcionários a desenvolverem tarefas e expô-la em Redes Sociais, POR OUTRO LADO, na minha limitável ótica jurídica parece ser ASSÉDIO MORAL.
    Saudações IFETIANAS.

    ResponderExcluir
    Respostas


    1. Querida Anônima,

      Meu Currículo Lattes não está atualizado nem pretendo fazê-lo. Currículo é aquilo que somente os tolos valorizam. Trabalhei 18 anos na PM em cargos de Direção e Chefia e 1 ano e dois meses na SUSIPE, mas não preciso escrever o que fiz e como atuei nessas funções para PARECER experiente ou competente. Não estou nem aí para opiniões como as suas. Trabalhei também na iniciativa privada e até hoje colho os louros da minha atuação, mas, certamente, você desconhece.

      Quanto ao Mestrado, digo-lhe que somente resolvi fazê-lo por causa da ASCENSÃO FUNCINAL e FINANCEIRA que está condicionada a esse título. Conhecimento nada tem a ver com certificação.

      Quanto ao auxílio financeiro que recebo, questionado pelo Professor Ricardo Cabeça, até quinta-feira estarei endereçando documento ao MPF, CGU e Reitor do IFPA, solicitando apuração dos fatos. Quem não faz coisa errada não tem medo de apuração!

      Quanto aos professores do IFPA, penso que, em primeiro lugar, cada um deve fazer o que a lei manda. Quando tiver as informações que solicitei você entenderá porque ninguém quer abrir essa CAIXA PRETA que beneficia aqueles que não querem cumprir com as suas obrigações. Tenha calma e verás!

      Quanto ao ASSÉDIO MORAL, a resposta é simples. Os prejudicados devem recorrer à justiça ou representar ao Reitor contra mim. Mas, creio, que devem fundamentar o pedido para não parecerem tolos como você.

      Um abraço!


      Excluir
  2. Professor Wolgrand
    Isto é um depoimento ou uma confissão de culpa? Além de comprometer o Diretor Geral do campus Belém de não pagar a funcionária por meses, o que pode até propiciar ação junto à Justiça do Trabalho, ainda mostra a maneira tacanha com que o senhor procede a escolha de seus assessores. Isto depõe contra sua competência enquanto diretor. Não se exponha a tal. Não pega bem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda bem que a sua concepção de ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA não é igual a minha. A Administração é pública, logo todos os cidadãos tem o direito de saber o que ocorrer nas suas entranhas. Não coloco na internet questões pessoais de quem quer que seja, mas o que interessa à sociedade em geral.

      Como quem não deve não teme, não tenho qualquer receio de expor minhas ações como Diretor do Pólo Ananindeua do IFPA. Se você discordar, escreva, subscreva e encaminhe a quem de direito.

      Que seja dado a Cesar o que é de César!

      Excluir
  3. Wolgrand,

    Já faz um bom tempo que passaste comentando em outro blog sobre umas irregularidades ocorridas na administração do antigo CEFET, hoje IFPA.

    Parece que chegaste a ser submnetido a um Processo Disciplinar porque abordavas o assunto. Estou enganado?

    Pois bem, hoje, ao ler os jornais LIBERAL e DIÁRIO vi uma notícia transcrita do site da Justiça Federal, veiculada na noite de 19/11, sobre a condenação de vários servidores do antigo CEFET,entre os quais o SÉRGIO CABEÇA e o ANTONIO CLAUDIO FERNANDES FARIAS, que é o atual Secretário Adjunto de Inteligência da SEGUP e que pegou 5 anos de reclusão.

    Se achares oportuno, sugiro que transcrevas neste blog a sentença do juiz federal mandando pra cadeia a quadrilha que atuou nessa instituiçao de ensino, para que sirva de exemplo aqueles que pensam na dilapidação do patrimônio público.

    http://www.jfpa.jus.br/noticias/ver.php?id=1117

    ResponderExcluir
  4. Corrija suas assinaturas Diretor de Polo e nao diretor Geral

    ResponderExcluir
  5. Wolgrand, eu jurava que era somente na susipe que existia esse tipo d gente maluca.. uma anonima doida que diz q e tua fã e escreve um monte de merda, nao sabe nem o q e liderança, um outro maluco que quer q vc escreva somente DIRETOR DE POLO, como se isso fosse mudar a vida da humanidade. sinceramente companheiro wolgrand, eu nao sei d onde tu tira tanta paciencia, eu ja teria mandado todo mundo se fu...

    ResponderExcluir