segunda-feira, 3 de setembro de 2012

EU VI POLITICA SERÁ QUE VI? (Walmari Prata Carvalho)


Somos aviltados rotineiramente com inúmeros realities show. Divergente no roteiro, mas, do mesmo conteúdo duvidoso, porem, ate mais hilário, agora passamos a assistir a propaganda eleitoral gratuita. Atores, a maioria de qualidade duvidosa a representar aquilo que dificilmente serão ou farão, alguns se limitam a ler mensagens que nem eles mesmos acreditam. . Figuras esdrúxulas a cavalgar na hipocrisia, salvo pequeníssimas exceções, na realidade a visão que o povo tem da classe condicionam-nos a assisti-los como uma engendrada comedia facciosa.

Os pretensos do legislativo prometem exercer atribuições do executivo, e, vice-versa. Os antes coligados se atacam condenando o que foi feito ou deixado de fazer, mesmo quando lá atrás juntos estavam.

Ao escutá-los de imediato me vem à mente a figura do jogador da mega sena acumulada, que ao ser inquirido pela reportagem sobre o destino que daria ao dinheiro caso fosse o sorteado, imediatamente transforma-se num filantropo.

Não precisa prometer o improvável, basta exercitar com ética tudo que se encontra estabelecido em leis; dar continuidade as boas obras já iniciadas; valorizar a técnica do servidor público; não lotear os cargos em nome da governabilidade; extirpar o nepotismo, e, conduzir-se dentro dos preceitos éticos e morais que se espera de todo cidadão de bem. Quando esta bandeira for levantada, e exercitada na plenitude por qualquer candidato o êxito a ele chegara normalmente, pois, o povo esta cansado de promesseiros, na realidade deseja um personagem possuidor de valores humanos, que na pratica sejam empregados em beneficio e defesa da sociedade. Como dificilmente isto veremos, então eu me pergunto: EU VI POLITICA SERÁ QUE VI?, Eu vi jovem brandindo bandeiras sem ideologias ou idéias. Eu vi o necessitado ser comprado por um trocado. Eu vi o semelhante vestir camisa sem sentimento. Vi e ouvi a poluição sonora dos treme-terras. Assisti os lares serem invadidos pela demagogia. Vi minha cidade ser enlameada pela panfletagem. Vi exigirem da autoridade à facilidade. Vi tanta promessa mirabolante. Lembram-se o que diziam nos alto-falantes? Vi amigos cultos e até formados brigarem de morte. Nem ao menos observavam serem os mesmos o transporte, do candidato ao poder, e, que depois de endeusados o transporte vai esquecer. Os amigos do passado, sem os louros ficarão, os resquícios da batalha suas famílias assimilarão. Minha gente para que isto, partido é agremiação, hoje estou num amanhã em outro, o jogo tem tempo e a vida não. Eu vi política será que vi?.......SERÁ QUE VEJO?

Belém, 03 de setembro de 2012.

WALMARI PRATA CARVALHO
walmariprata@hotmail.com

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário